• Carlos Guglielmeli

No pior ano da crise atual, Governador Marconi Perillo leva o Goiás a um dos melhores resultados eco


Em evento realizado nesta quinta-feira 05 de janeiro, o Governador Marconi Perillo retificou o resultado do Balancete Anual revelado na semana passada. O Superávit Primário do estado ficou na realidade em R$ 900 MILHÕES.

Mesmo no pior ano da crise econômica Brasileira, Goiás conseguiu elevar em 150 vezes o superávit primário do ano passado. Para quem não sabe, superávit primário é o dinheiro que sobra da arrecadação depois que o estado paga todas as suas contas, exceto os juros da dívida pública.

Enquanto outros estados derretem em meio ao caos econômico, Goiás consegue um dos melhores resultados nacionais. Isso é fruto do pacote de austeridade financeira implementado pelo Governador Marconi no final de 2014 se antecipando à crise que ainda estava por vir.

Por pior que seja o momento atual, em Goiás a sociedade ainda vive uma realidade “menos ruim” que a da maioria dos outros estados, estados esses que acompanharam as políticas populistas e equivocadas dos últimos governos federais.

“A austeridade vale a pena. Conseguimos dar condições mais dignas as pessoas”, disse o governador.

Se a crise está tirando o sono das pessoas, imagine se no estado de Goiás tivéssemos governos populistas ao estilo dos de Minas Gerais e Rio de Janeiro?

As previsões indicam que o pior da crise está ficando para trás e para que isso se confirme, é de grande importância que as reformas nacionais necessárias sejam feitas e o estado continue sendo bem administrado.


Carlos Guglielmeli

O nosso objetivo é comentar as notícias com uma pitada de avaliação pessoal. Aqui a primeira pessoa, tanto singular como do plural, não são proibidas nos textos.

Boa leitura!

Siga "PELO MUNDO"
  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Blogger Social Icon
  • Instagram Social Icon