• Carlos Guglielmeli

Prefeitura de Valparaíso deixa crianças com necessidades especiais sem transporte escolar


Mais uma vez a cidade de Valparaíso protagoniza denuncia de falta de serviços públicos básicos em programa de TV.

Sem ter transporte escolar para seus filhos com necessidades especiais, mães procuram o programa Balanço Geral para denunciar o descaso do poder público municipal

Segundo a Sra. Ivonete, mãe da Larissa, o transporte vem interrompido desde o dia 19 do mês anterior, segundo informações, por falta de combustível, porém completa que os ônibus estão sucateados, sem elevadores que funcionem e sem cintos de segurança.

Segundo a dona de casa Alverina Almeida, quando o serviço funcionava as crianças e os pais sofriam com o destrato dos motoristas e com o sucateamento dos ônibus.

A reportagem foi feita na sexta feira dia 11 as 16h e tentou obter esclarecimentos junto a secretaria de educação, porém mesmo sendo horário de expediente parecia se tratar de um prédio abandonado.

Depois de 15 minutos de espera a reportagem recebeu o contato de um servidor do RH da secretaria que disse ter havido um problema na licitação para compra de combustível. Uma justificativa inaceitável de uma secretaria que deveria ter um “mínimo de gestão”.

A atual gestão foi reprovada pela sociedade justamente por essas falhas, porém ainda restam 45 dias de governo da atual prefeita, espera-se que nesse pouco tempo ela e sua equipe se superem e não deixem a sociedade viver dias ainda mais difíceis do que foram os outros 1.416 dias anteriores.


Carlos Guglielmeli

O nosso objetivo é comentar as notícias com uma pitada de avaliação pessoal. Aqui a primeira pessoa, tanto singular como do plural, não são proibidas nos textos.

Boa leitura!

Siga "PELO MUNDO"
  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Blogger Social Icon
  • Instagram Social Icon