• Carlos Guglielmeli

Associação de Moradores PTista do Esplanada I engana moradores do bairro com requinte de crueldade


A alguns dias noticiei um manifesto espontâneo de moradores do esplanada I que, sem ajuda de nenhuma entidade, chamou a atenção da televisão para transmitir ao vivo um protesto pedindo segurança para o bairro.

O fato é que esses moradores fizeram mais pressão no poder público em duas horas do que a Associação sonhou fazer em seus três anos de vida.

Incomodados com essa revelação de sua inoperância, a Associação “PTista” tentou reverter a situação marcando uma reunião com o Coronel Danilo (Chefe da Polícia Municipal) sob a desculpa de que seria um bate-papo em busca de soluções para a violência que assola o bairro e garantindo que a tal reunião não seria conduzida pelo governo.

Mentiram, pois o formato e a condução da reunião por parte da associação foi o tempo todo em defesa do governo e protegendo-o.

A reunião foi absolutamente improdutiva. As pessoas foram em busca de socorro e ouviram do Coronel justificativas e uma súplica por ajuda inversa.

O chefe da polícia local apresentou uma ação louvável, mas paliativa, que consiste na união dos moradores em um grupo de WhatsApp para auxiliar sua corporação na vigilância do bairro. Porém essa ferramenta está sendo usada politicamente, pois se o usuário for opositor ao governo de Lucimar/PT, o mesmo é excluído como fui.

De maneira cretina, como qualificou uma moradora, o Sr. Danilo Pinto, pré-candidato PTista a vereador da associação fez propaganda da reunião desvirtuando completamente seu conteúdo em favor próprio. Aliás, esse é o grande objetivo da entidade que de moradores não tem nada além de membros.

Assuntos importantes como ações coordenadas do poder público municipal levantadas por mim e pelo Ricardo Viana, presidente do PDT que esteve presente, foram insistentemente tolhidas pelo presidente da associação que buscava proteger a prefeita Lucimar/PT das críticas por falta de limpeza urbana e iluminação pública, ambas ligadas diretamente à violência a qual o bairro está submetido.

Esse é um fato sórdido em que os aliados do governo tentam tirar proveito eleitoral do desespero da população, ocorrido em um bairro da cidade que reflete uma tática suja de manutenção e busca do poder que está se espalhando pela cidade.

A sociedade precisa ter a malicia no olhar para detectar essas armadilhas do mal que estão armando contra ela. Uma maldade.


Carlos Guglielmeli

O nosso objetivo é comentar as notícias com uma pitada de avaliação pessoal. Aqui a primeira pessoa, tanto singular como do plural, não são proibidas nos textos.

Boa leitura!

Siga "PELO MUNDO"
  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Blogger Social Icon
  • Instagram Social Icon