• Carlos Guglielmeli

Lula caiu. O cinismo PTista sustentado pela falta de materialidade está se perdendo nas confirmações


Dizem que não existem crimes perfeitos se existirem suspeitos. A dois anos o PT de Lula vinha contradizendo isso, porém nessa sexta-feira 04 de março de 2016 a justiça de verdade começa a ser feita.

Conduzido coercitivamente pela Policia Federal, finalmente e simbolicamente, o Lula foi colocado em um “camburão” onde já deveria ter sido posto a muito tempo.

A vocação para o crime da cúpula PTista arquitetada por Lula já é indiscutivel, diante dos fatos expostos a dois anos, porém o “cinismo” sustentado na competência criminosa em não deixar rastros físicos mantinha o mandatário distante dessa realidade, mas a casa pareceu ter caído quando o PT dispersou o Senador Delcídio do Amaral. Porém o que aconteceu hoje ainda nem é fruto da delação do Senador, isso indica que vem muito mais por ai.

Parece que o grito de “A CASA CAIU” como que um grito de “GooooLLLL” agora veio para ficar.

Não restam dúvidas do mal que esse partido faz ao país e isso pode ser confirmado pelo movimento do mercado financeiro que reagiu muito bem, como a muito não se via, ontem, só pela imaginação de que a delação feita pelo Senador Delcídio do Amaral fosse suficiente o bastante para tirá-los do poder.

Vale ressaltar que toda a 24ᶛ faze da operação Lava-Jato, batizada de ALETHEIA, foi trabalhada em 20 de fevereiro passado, ou seja, ainda não é consequência direta da delação do Senador Delcídio. Sendo assim podemos esperar muito mais pela frente.

Pacotes econômicos, ajustes fiscais, novos impostos, tudo isso parece ter virado coadjuvante na novela da recuperação nacional. Aparentemente a Polícia Federal tomou o Protagonismo dessa ressureição brasileira.

Não acredito no retrocesso desse caminho, mas os brasileiros do bem, do verde e amarelo, precisam manter-se vigilantes para que o movimento da justiça continue na mesma direção e para que em outubro deste ano o “golpe final” nessa suposta “associação para o crime” seja dada pelo povo.

O protagonismo da destruição do mal, nesse caso, precisa ser do povo brasileiro para que seja consistente.


Carlos Guglielmeli

O nosso objetivo é comentar as notícias com uma pitada de avaliação pessoal. Aqui a primeira pessoa, tanto singular como do plural, não são proibidas nos textos.

Boa leitura!

Siga "PELO MUNDO"
  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Blogger Social Icon
  • Instagram Social Icon